Fale conosco

(66) 3461-7900

Ouvidoria Municipal

(66) 3461-7900


Agricultura


COMUNIDADE RURAL: Agricultura e Corpo de Bombeiros debatem prevenção contra queimadas e período proibitivo

A Secretaria de Agricultura de Jaciara e o Corpo de Bombeiros, realizam visitas na zona rural de Jaciara para orientar moradores sobre as queimadas. Os primeiros assentamentos visitados pelas equipes foram o 27 de Novembro, Plano Piloto e o Lambari. Lembrando que, essas localidades foram alvos das queimadas em 2020 e amargaram grandes prejuízos materiais o que envolve a produção de pequenos produtores rurais.

"A visita técnica feita pelo Corpo de Bombeiros é fundamental, pois precisam conhecer os locais e entender as dificuldades enfrentadas nessa área distante da sede da cidade. Esse contato é muito importante para prevenção. Nas visitas moradores são alertados sobre as devidas precauções caso ocorra algum incêndio, além, claro, da preservação de suas áreas por meio de aceiros (desbaste de terreno)", explicou o Secretário de Agricultura Rodrigo Francisco, o Tunicão.

De acordo com o Capitão Marcus Vinícius da Conceição Reis Nascimento, da 9ª Companhia Independente do Corpo de Bombeiros de Jaciara, o objetivo das visitas é orientar e mostrar a população as conquencias e a gravidade da queimada e que vale a pena se prevenir. Segundo ele,  o intuito é fortalecer a presença dos agentes nos assentamentos e comunidades afim de inibir danos humanos.

"Queremos com isso, conscientizar a população para que não se repita o que ocorreu no ano passado, quando os assentamentos e comunidades foram prejudicados pelo fogo. Estamos orientando as comunidades e explicando o porque do período proibitivo de queimadas, as conseqüências das queimadas  ilegais e as conseqüências disso  à saúde, além de dicas de prevenção, que constam em nosso folder orientativo", ressaltou.

Nas visitas, foram entregues panfletos de caráter educativo e informativo de prevenção e combate aos danos provocados pelas queimadas, de forma a contribuir com a redução dos altos índices de queimadas em Mato Grosso. Vale ressaltar que o período atual é propício para ocorrer queimadas, devido as mudanças climáticas e tempo seco.

De acordo com o secretário de Agricultura, o trabalho realizado em parceria com o Corpo de Bombeiros é inovador em Jaciara . Além do trabalho orientativo, Tunicão explica que existe também um trabalho de patrulhamento que é realizado em conjunto com o Sindicato Rural. "A ideia é conscientizar nossos moradores da área rural, até porque a cobrança no período de estiagem será mais rigorosa e esse trabalho preventivo evitará, com certeza, possíveis prejuízos ambientais e materiais", alertou o secretário de Agricultura.

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foram registrados 604 focos de queimadas em Jaciara no ano de 2020.

Período Proibitivo - Desde o dia 01 de julho, está proibida qualquer atividade de limpeza de pastagem com o uso do fogo nas áreas rurais, em Mato Grosso. A medida é prevista no decreto nº 938/2021 publicado pelo Governo do Estado no Diário Oficial (DOE) em maio deste ano e segue até 30 de outubro de 2021. Na zona urbana, as queimadas são proibidas o ano todo.

A proibição é uma forma de evitar as ocorrências de focos de calor em razão da alta probabilidade de ocorrência de incêndios florestais diante dos baixos índices de chuvas.

Só em 2021, Mato Grosso já contabilizou mais de 5.300 focos de calor, conforme dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. A quantidade representa uma queda de 19% se comparado ao mesmo período de 2020, quando foram registrados 6.559 incêndios. Porém, o Estado lidera o ranking nacional de focos a frente do Tocantins (2.131) e do Maranhão (1.829).

               

Publicado em 07/07/2021

Fonte: Ascom



Últimas Notícias

2021 © Prefeitura Municipal de Jaciara - Mato Grosso - CEP: 78820-000